Há títulos sensacionalistas e tem títulos que é impossível evitar. A dessa publicação pertence à segunda área.

Uma só sessão de massagem tântrica me fez observar coisas que são impossíveis de descrever, então tomei a decisão de interromper este silêncio que machucavam as pessoas, sem que percebessem, no decorrer dos últimos vinte anos.

Quanto mais cético ficar sobre a vida e também o universo, menores números de pessoas acreditam em acasos. Nesta semana que passou, no decorrer de encontro de amigos, ouviram dizer sobre a experiência de uma amiga com a tal massagem tântrica e ela raciocinou ” É caô. Vou fazer só pra ter certeza”.

Então ela entrou em contato com um qualificado, o mesmo que recebeu a amiga, e ela desabafou um caminhão de questões sobre o tantra, além de contar por que motivo ela estava pesquisando esse tipo de serviço, como várias pessoas afetada por ele, ela não caminhou querendo se abrir muito com parceiros nos últimos anos.

Na data e horário marcado com o terapeuta. A parte de gastar dinheiro com um qualificado para te fazer obter orgasmos supostamente loucura parecia muito estranha para ela.

Por que o terapeuta tocou o interfone e tomei a decisão de não desistir.

Ela já havia deixado o local no fim da tarde, um colchonete no solo e uma toalha ao lado dela, acompanhando dicas dele. Comentaram sobre a tradução e o significado da massagem tântrica e ele disse que, para certas pessoas, pode ser um passo muito forte; mas para outras, só uma nova etapa.

Aí ela pensou que se encaixaria na secunda parte dos que não encaram como um passo muito forte e, quando o terapeuta questionou se eu optaria sessões separadas, ou seja, uma de cada vez ou iniciar por uma sessão mais de impacto, escolhi a última, por conta da condição financeira, pois não ia ter dinheiro para realizar diversas consultas.

Fonte: https://luizasahd.blogosfera.uol.com.br